quinta-feira, 5 de setembro de 2013

sobre cristãos




Jesus era cabeludo.
Jesus não discriminava as mulheres.
Jesus sofreu preconceito.
Jesus também foi um prisioneiro.
Jesus transformou a água em vinho e não o contrário.
Jesus lutou contra a opressão.
Jesus amou os pobres, mas não a pobreza.
Jesus também amou os ricos, mas não a riqueza.
Jesus desafiou os sacerdotes que fizeram da Igreja um negócio.
No tempo de Jesus havia homossexuais; não consta que Jesus os tenha condenado, tampouco tentou curá-los.
Cristão é o que segue as palavras do Cristo, que estão nos Evangelhos.
Quem segue o Velho Testamento é Judeu.
Evangelizar é pregar a palavra do Cristo, colocar palavras na boca do Mestre é pecar.

atentai bem, homens de pouca fé.

Lelê Teles

Um comentário:

Emanuel Lopes Ferreira Galvão disse...

É ISSO!
e isso é tudo que importa.